Interpretação e eventos ao vivo

Eu penso na interpretação como a irmã mais velha da tradução simplesmente pelo fato de a língua falada ter vindo antes da escrita. Apesar de ter se tornado mais reconhecida somente após o julgamento de Nuremberg, é de se imaginar que ela já acontecia (bem menos formalmente) nas interações entre povos de culturas e idiomas…

Nem toda jogada acaba em gol

Em tempos de Copa, muito tem se ouvido falar em tradução, interpretação, consecutiva, simultânea… É trabalho que não acaba mais. E todo mundo ganha muito dinheiro com isso, certo? Ah, bem… Sim, tem muita gente trabalhando no evento. Todos os dias vemos entrevistas de treinadores e jogadores, e há sempre uma vozinha em cima, falando…