Muitas vozes na cabeça

Gosto de dizer que sou um autor tradutor, necessariamente nessa ordem. Foi como autor que estreitei minha relação com a literatura, lá pelos dezoito anos de idade, quando decidi por um par de motivos sentar em frente a uma tela em branco e descobrir se eu teria disciplina para escrever um romance. Para surpresa da…

PdL no VII Congresso da ABRATES!

Pelo terceiro ano consecutivo, o Ponte de Letras participará do Congresso Internacional de Tradução e Interpretação da ABRATES, que neste ano volta ao Rio de Janeiro. Porém, desta vez, vamos fazer diferente: daremos mais voz a quem vier conversar com a gente na palestra Vamos falar sobre tradução editorial? Será um grande bate-papo em que tocaremos em…

Voltamos!

2016! Estamos prontos para mais um ano de trabalho. Quem acompanha o PdL desde o início, lá em 2013, sabe o quanto nos esforçamos para manter essa relação gostosa de bate-papo no blog e trazer textos que tenham a ver não apenas com a tradução, mas também com o dia a dia do tradutor. Neste…

Quem será o primeiro?

Um cartaz exposto pela organização da Frankfurter Buchmesse de 2014 questionava: “Who will be first?”. Eu acho que esse questionamento realmente resume o espírito da maior feira mundial de livros que começa no próximo dia 14 de outubro, em Frankfurt, Alemanha. Todo mundo que realmente importa no mercado editorial enquanto negócio está lá: editores, agentes…

Interpretação e eventos ao vivo

Eu penso na interpretação como a irmã mais velha da tradução simplesmente pelo fato de a língua falada ter vindo antes da escrita. Apesar de ter se tornado mais reconhecida somente após o julgamento de Nuremberg, é de se imaginar que ela já acontecia (bem menos formalmente) nas interações entre povos de culturas e idiomas…