Interpretação e eventos ao vivo

Eu penso na interpretação como a irmã mais velha da tradução simplesmente pelo fato de a língua falada ter vindo antes da escrita. Apesar de ter se tornado mais reconhecida somente após o julgamento de Nuremberg, é de se imaginar que ela já acontecia (bem menos formalmente) nas interações entre povos de culturas e idiomas diferentes. Uma maneira de visualizar isso (ainda que fictícia) seria no seriado Game of Thrones, em que a ex-escrava Missandei interpreta para a khaleesi.

[Interpretação é basicamente a transmissão de uma mensagem oral de um idioma para outro. Isso pode acontecer de algumas maneiras diferentes, que denominamos as suas modalidades, sendo as duas principais a Simultânea, com a ajuda de microfones (palestrante fala), transmissores (intérpretes recebem, interpretam e falam a mensagem) e receptores (participantes escutam), sendo que a via inversa também acontece (por exemplo, participante faz uma pergunta para o palestrante); e a Consecutiva, em que o intérprete escuta e toma notas para, depois de uma pausa, interpretar a mensagem. As outras modalidades seriam Sussurrada, Acompanhamento e outras derivações das duas primeiras.

[Mais recentemente, passei a prestar um tipo de serviço que desafiou todo o entendimento que eu achava que tinha sobre minha profissão, a interpretação de premiações televisionadas ao vivo pela MTV, das quais participei do Video Music Awards 2014 e 2015 e do Europe Music Awards 2014. Há várias especificidades relacionadas a esses trabalhos aos quais precisei me adaptar e habilidades que precisei desenvolver, jogo de cintura sendo uma das mais importantes. Intérprete que não sabe rebolar, dança!

Quando se fala de premiação televisionada, logo pensamos no Oscar, mas trata-se de um caso distinto, já que há um foco maior nos comentários sobre os filmes e profissionais envolvidos, o que teria mais relação com jornalismo de entretenimento do que com interpretação, pelo conhecimento específico envolvido. No caso do VMA/EMA, a MTV passou por uma reestruturação recente e houve uma deliberação interna para saber exatamente como seria feita a transmissão desses eventos no Brasil. A decisão foi que as premiações seriam traduzidas quase como uma dublagem ao vivo, com vozes e registro compatíveis com o público-alvo do canal, ou seja, vozes jovens e registro bastante informal.

A dinâmica de trabalho também muda bastante. Enquanto na cabine de interpretação, os intérpretes revezam a cada 20 a 30 minutos para descansar, no estúdio, somos dois intérpretes, uma voz masculina e outra feminina, cada um responsável por interpretar homens e mulheres, respectivamente. Algumas vezes, mulheres ficam com voz masculina, por exemplo, quando precisamos manter a distinção entre a voz do entrevistador e a dos entrevistados, o que acontece com mais frequência no pré-show, o famoso tapete vermelho.

O evento dura em média três horas, sendo uma hora de pré-show, quando temos a chegada e entrevista com alguns convidados; e a premiação em si, que deve durar duas horas, mas pode haver imprevistos. Ambos têm roteiros desenvolvidos pela produção do programa, ao qual temos acesso com pouca antecedência, já que é natural que eles mudem bastante conforme a data se aproxima. A versão mais atualizada sempre chega em cima da hora e mesmo assim vemos várias mudanças fora do roteiro no decorrer dessas três horas. Mesmo com roteiro, a parte mais intensa do programa é o pré-show, porque há a pressão do tempo, e os entrevistados têm de falar muito rápido; do nosso lado, há uma enorme preocupação de um não atropelar o outro, mesmo sendo aceitável ter alguma sobreposição de vozes. Por outro lado, a premiação é bastante imprevisível, já que só o que está roteirizado é o que aparece no teleprompter dos apresentadores, não os discursos de agradecimento.

A título de curiosidade, o discurso do Kanye West para agradecer o prêmio Michael Jackson Vanguard no VMA 2015, que aconteceu dia 30/9, durou aproximadamente 12 minutos. Doze minutos de tensão generalizada, pausas longas, incerteza total do que seria dito e uma declaração de candidatura à presidência dos EUA em 2020, com direito a aplausos nos bastidores depois de todo mundo mal conseguir respirar. Nesses 12 minutos, falou-se de intrigas entre celebridades, ânsia por audiência da MTV, uso de substâncias entorpecentes, injustiça de premiações com os artistas e política. As definições de jogo de cintura foram atualizadas.

Felipe Cichini Simões, intérprete e tradutor profissional com mais de 10 anos de experiência em localização de aplicativos e interpretação de conferências, contratado recentemente para interpretar as premiações musicais da MTV Brasil. Site: http://mantrad.com.br

Anúncios

Um comentário sobre “Interpretação e eventos ao vivo

Vamos conversar? Deixe seus comentários!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s