Cadê o público-alvo que estava aqui?

É fato: nunca se traduziu tanto para uma faixa etária específica. Os YA (Young Adult, aqui meio “espremido” na faixa adolescente) pipocam em todas as livrarias há anos, e não é difícil encontrar blogueiros ainda muito jovens comentando todo esse material e, tremam, sua tradução. Se criança não tem pena, adolescente chega a ser cruel…