A Tecnologia a Favor da Tradução

Comecei a traduzir em 1989. Minha primeira ferramenta de trabalho foi uma máquina de escrever. Era eletrônica, verdade, mas era só uma máquina. Precisava de papel, tinta, corretivo, um pacote completo de suprimentos. E eu usava dicionários de papel, enciclopédias que ocupavam estantes inteiras, e tinha que ir à editora buscar originais físicos e levar laudas traduzidas. Algumas vezes a entrega da tradução era uma aula de musculação, dependendo da quantidade de laudas e do tamanho do original traduzido. A revisão era uma loucura. Corretivo líquido, papel colado, encaixe perfeito da folha para rebater sobre o trecho corrigido.

Tinha um lado gostoso. Sair de casa para ir buscar o original e entregar a tradução, o café e o papo com os editores, de vez em quando um encontro casual com um colega nos corredores.

Mas hoje tudo é muito mais rápido, mais limpo, mais favorável a uma boa tradução. Usamos computadores, temos vários mecanismos de pesquisa, recebemos originais em arquivos digitais e entregamos as traduções como anexos de e-mail. Não tem mais café na editora, a menos que os dois lados queiram, é verdade, mas sobra mais tempo para…

Pois é. Você usa a tecnologia a seu favor? Não estou me referindo a nenhuma CAT. Alguns tradutores declaram amor eterno por elas, outros as usam quando é conveniente, e há os que passam muito bem sem usar nenhuma. Não vou entrar no mérito dessa questão, porque há colegas falando muito e bem melhor sobre isso. Mas os recursos de um computador, da pesquisa on-line, todas as informações que hoje estão disponíveis para quem quiser encontrá-las. Você tira proveito de tudo isso?

A associação de tecnologia e tradução pode ser a chave para uma carreira gratificante e de sucesso, ou a porta eternamente aberta para a procrastinação. Você pode usar a internet para pesquisar, criar e ampliar uma rede de colegas que muitas vezes pode ser a resposta para uma emergência (tradutor adoece, é bom ter alguém de confiança para indicar, caso o prazo seja inegociável) ou para um daqueles enigmas em que empacamos de vez em quando. Uma conversa rápida, algumas sugestões, e a solução aparece. Mas se cada vez que interrompe a tradução para pesquisar você “dá uma passadinha” no Facebook, no Twitter, lê uma postagem naquele blog preferido ou responde uma mensagem no chat, seu dia se torna muito mais longo e bem menos produtivo. A proporção horas na frente do computador X laudas traduzidas vai ficando cada vez mais desequilibrada.

A resposta é disciplina? Também. Mas existem alguns recursos que podem ajudar. Se você é do tipo que não pode ver um navegador aberto que já corre no ícone do Facebook, talvez seja interessante usar um bloqueador. Existem vários, alguns gratuitos, todos disponíveis on-line. Se o seu problema é aquela “coceirinha” de ir toda hora dar uma espiada no que acontece no mundo, a técnica pomodoro pode ser sua salvação. As sugestões são muitas, e não é minha intenção aqui defender uma ou outra. O objetivo, hoje, é colocar pulgas atrás de muitas orelhas tradutórias: você tem tirado proveito de tudo que a tecnologia pode oferecer para se tornar um profissional melhor, ou faz dela a arma com que vai atirar no próprio pé? Você usa o networking como uma ferramenta de crescimento e bom relacionamento profissional, ou o que interessa é só o bate-papo na hora do intervalo (que pode ser de horas!)? Como você se comporta nos grupos de tradutores? Só aparece para perguntar, ou contribui e colabora sempre que possível, preservando seu horário de trabalho e protegendo sua produção diária de laudas?

O avanço da tecnologia é, como todos os aspectos do progresso e do mundo moderno, uma faca de dois gumes. Mas, como em todos os campos da vida, você sempre pode escolher que lado vai usar.

Anúncios

Vamos conversar? Deixe seus comentários!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s